Arquivo da tag: solstício de inverno

Solstício de Inverno – Convite

Com a proximidade dos dias frios do ano, a nossa tendência de recolhimento e introspecção é cada vez maior. Neste período escuro, o auto-conhecimento é uma busca para cada um realizar em si mesmo no aconchego do seu lar, até que o sol retorne e com ele o calor.

Para comemorar este período que se aproxima, o Caer Ynis se reunirá no seu santuário de pedras no dia 22/06/2014 às 8:00. Interessados entrar em contato para maiores informações através do e-mail caerynis@gmail.com

Aidugnatos.

Anúncios

Solstício de Inverno 2012

Na noite de 16 de junho de 2012 o Caer Ynis se reuniu para celebrar o Solstício de Inverno, a noite mais longa do ano, o ápice da metade escura do ano, a Noite Mãe e o renascimento do Sol, que a partir de então passa a tornar-se cada vez mais forte novamente. Nesta celebração fomos honrados pela presença de Francis, Nathalia e Larissa, nossos convidados que vieram aumentar o prestígio e a força de nosso rito.

Inguz aproveitou para explicar para nossos convidados cada um dos objetos do altar enquanto este era montado com os elementos da cerimônia. Após isso o espaço e os presentes foram purificados pela fumaça do incenso e pudemos enfim iniciar nosso rito.

Começamos clamando pela Paz e convidando os deuses e não-deuses dos Três Mundos e das Quatro Direções. Entoamos a palavra sagrada e realizamos uma meditação conduzida pelos elementos do altar; cada participante escolheu um objeto para lhe auxiliar em no final compartilhamos nossas vivências e impressões.

Inguz realizou uma cerimônia simbólica da tradidicional Colheita do Visco. Utilizando sua Foice Dourada, cortou um galho de uma planta com características semelhantes e distribui os ramos entre os participantes.

Também foi realizada uma cerimônia para simbolizar a volta da Luz do Sol ao mundo, onde uma vela que havia ficado apagada durante todo o ritual foi acesa.

Depois disso realizamos nosso banquete e conversamos muito sobre os significados e símbolos desta data e desta cerimônia, assim como sobre outros assuntos relacionados. Como sempre, um momento de profunda alegria e descontração, onde partilhamos vinho, suco e bolos.

Por fim, realizamos o encerramento de nossa cerimônia, agradecendo aos deuses e não-deuses dos Três Mundos e das Quatro Direções e entoando nossa palavra sagrada. Depois disso retornamos para nossas casas sabendo que a claridade estava retornando para romper a escuridão, trazendo novamente esperança ao Mundo.

JP Bach

Convite – Solstício de Inverno

Os dias estão ficando cada vez mais curtos e as noites cada vez mais longas. O frio chegou e nos obrigou a nos fecharmos em nossas casas em um período de repouso e introspecção, quando devemos olhar para dentro de nós mesmos em uma busca de auto-conhecimento. Vem se aproximando a noite mais longa do ano, a Noite Mãe, o ápice da escuridão. E depois disto, o Sol renasce.

Para celebrar este período, o Caer Ynis irá se reunir no dia 17 de junho em uma cerimônia pública. Os interessados em participar devem entrar em contato pelo e-mail caerynis@gmail.com para receber maiores detalhes.
JP Bach

Solstício Inverno 2011

No dia 23 de junho, antes da alvorada, o Caer Ynis se reuniu em minha casa para a celebração do Solstício de Inverno, época do ano em que o Sol renasce e começa lentamente a retomar suas forças. Dia esse que simboliza os renascimentos em nossas vidas; os momentos em que apesar de estarmos por baixo, recuperamos as forças e nos reerguemos.

A idéia era realizar a cerimônia no Santuário e de lá observar o nascimento do Sol no horizonte, mas dada a chuva e o perigo que ela representa nas pedras molhadas, resolvemos realizar esta celebração em ambiente fechado. Desta vez não tivemos a presença de nosso gutuater Inguz, que não pode se fazer presente e portanto estavam reunidos apenas o bardo Rafael, Juliana e eu.

Começamos montando nosso altar, trazendo para ele a Pedra com a representação da Entidade de nosso Santuário, os Quatro Tesouros, o Fogo Sagrado e mais alguns objetos pessoais devidamente colocados. Fizemos o Pedido de Paz e a convocação dos seres dos Quatro Ventos. Em seguida chamamos, como sempre fazemos, os Deuses dos Três Mundos e nossos Ancestrais.

Cada um de nós retirou uma carta do Celtic Wisdom Deck e fizemos uma meditação direcionada por esta carta. E finalizando isso, discutimos os aspectos de cada carta e a relação destas com o Solstício de Inverno.

Depois banqueteamos panetone caseiro e suco de maçã, enquanto conversavamos a respeito do significado da data. Falamos também sobre as Eras passadas e de como o Solstício de Inverno já foi comemorado antes de nós. Como não estavamos em uma área natural, deixamos separado um pedaço de panetone para fazer uma oferenda posterior, que acabou ocorrendo logo depois da cerimônia.

Enfim agradecemos aos Deuses, Ancestrais e Espíritos da Natureza e nos despedimos, certos de que nosso Sol Interior havia renascido e que agora estavamos prontos para recuperar nossas forças.

JP Bach